Luxação de quadril

O que  acontecerá daqui pra frente…? Ainda não sabemos!!!!!!

Foi cogitado pelo médico o uso de um aparelho (conforme gravuras abaixo), já ouvimos falar em cirurgia, já ouvimos falar em “não fazer nada” Porquê não fazer nada? Só porque  que não sente dor e não anda…?????

Mas pensamos assim: Trocamos os sapatos dela quando ficam apertados. Não doe mas também não vai fazer bem! Então????

luxacao

quadril

ortesesparainferuor07

b_ph2gif

Provavelmente ficaria deitada durante o tratamento.

 

14 thoughts on “Luxação de quadril”

  1. Mila,
    Se lembra de mim? Sou a mãe de Rebeca da Apae, conversamos sobre a Ro, já
    achou Mila tou vendo nos lugares para te informar viu!
    Mil Bjs, gostei muito do seu Site é linda sua historia Menina abençoada por
    Deus eu Te amooooooooooooo apesar de conhermos tão pouco mas sua estrela é
    grande menina ……
    Boa Sorte, Fica com Deus

  2. Então pq não pensa com carionho na idéia??? É a melhor parte do casamento!!! srsrsrs.
    Eles entrando na frente de vcs ia ser o máximo!!
    Bjks

  3. minha neta , hoje com 11 anos , nasceu c/luxaçao no quadril, usou ate 8 meses a cinta conforme mostra, nao teve sequelas , mas tem acompanhamento agora de cada cinco anos..

  4. eu tambem tenho luxaçao no quadril as vezes sinto muitas dores vou no hospital e nao adianta nada o que sera isso! voces sabem ?

  5. eu nasci luxaçõo de quadril,perda a auditiva…. igual esses fotos e eu era incomodei,pq minha mãe não pode falar e pq eu não ouço nada…obrigada.

  6. minhafilhatem dois anos e estáse recuperando da cirurgia feita para a correção de luxação do quadril

  7. MINHA FILHA HJ TEM 6 MESES E NASCEU COM LUXAÇÃO BILATERAL,ELA FEZ UMA CIRURGIA EM SP ESTA COM GESSO

  8. a minha filha tbm está com 6 meses e está se recuperando de uma cirurgia de luxaçao bilateral,ainda está com gesso até dia 17/03,depois irá usar um aprelho de milgram,só que não encontrei nada sobre esse aparelho na internet,estou um pouco ansiosa. me diga como está sua filha e a recu´peração dela>

  9. minha filha tem 1 ano e 8 meses ela tem luxaçao congenita dos quadril
    ele vai ter que operar?e vai continuar andanado?
    é arriscado a cirurgia?

  10. Oi, minha filha tem 1 ano e 6 meses, ontem, 30/11/10, fez a cirurgia, está com gesso e vai ficar assim por pelo menos 90 dias, depois, segundo a médica ortopedista, será uma criança normal. O período pós operatório é barra pesada porque a criança fica inquieta, chora e os pais não sabem o que fazer.
    Mas, considerando que este período de sofrimento vai resolver um problema que acompanharia a criança pela vida toda, acho que vale muito a pena.
    A cirurgia é relativamente simples quando a criança tem pouca idade (até uns dois anos), mas conforme vai crescendo o porte da cirurgia vai aumentando porque aí será necessário mexer em ossos. A médica da minha filha disse que está com um caso onde a mãe da criança já passou com 5 médicos e ninguém queria operar a filha por causa do porte da cirurgia. Assim, procure um especialista em ortopedia infantil o quanto antes, melhor sofrer um pouco agora do que sofrer muito depois sem saber se a sofrimento compensará.
    Em São Bernardo do Campo/Sp, tem dois ótimos especialistas, minha filha trata com a Dra. Patricia, mas tem também um ótimo médico no Hospital Hifor.
    É importante passar com especialista, pois um ortopedista normal não descobrirá e não saberá o que deve ser feito.

  11. oi meu nome e tatiana minha filha tem luxaçao alias tinha pois ela fez a cirugia ela tem 4 anos esta se recuperando ja tirol o gesso sera que demora muito para voutar a andar

  12. Olá! Estava pesquisando sobre as novidades de tratamento para luxação congênita de quadril e me surpreendi, em como ainda fazem cirurgias para a correção. em março/12 completarei 40 anos de vida e de luxação congênita bilateral dos quadris. Minha primeira cirurgia foi com 1 ano e meio , e hoje , tenho muitas sequelas .. minha perna esquerda está 1cm mais curta, tenho escolioses , tive luxação no joelho esquerdo, e meu pé esquerdo etá apresentando cansaço e muitas dores. Minha luxação foi diagnosticada com 1 ano e 2 meses, pois no parto não me examinaram direito e não perceberam a anomalia. A 20 anos sinto dores crônicas e fortíssimas no quadril direito, e , mesmo assim, não ando com ajuda de muletas nem bengalas, não é fácil, mas, vou levando com a força de Deus de do poder da mente para aguentar a dor. Para vocês pais que diagnosticaram precocemente o problema em seus filhos, não exitem, façam de tudo que puderem para o tratamento, não é fácil, as crianças não tem paciência, mas, é extremamente necessário para não sofrerem como eu sofre . Comecei a andar com 4 anos, fiquei 6 meses de gesso e 6 de aparelho que é parecido com esses que tenho visto para permanecer a abertura dos quadris, mas, eram bem menos confortáveis no meu tempo! Hoje tenho minhas limitações e também minhas dores inseparáveis, e aguardo coragem para enfrentar nova cirurgia de prótese total dos quadris. Mesmo assim, ando, nado , faço hidroginástica , dirijo meu carro.. tudo com dor..
    Espero em Deus que consigam a plena cura dessas crianças! Abraço a todos..

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>